WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Avatar do usuário
Tiagoriebir
Mensagens: 845
Registrado em: 27 Ago 2015, 12:55
Localização: Porto Alegre, Namalkah

Re: WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Mensagem por Tiagoriebir » 02 Abr 2018, 18:36

Ibelin manteve a expressão confusa enquanto a garota estranha se explicava. Ainda permaneceu assim por alguns instantes enquanto o espírito mantinha a reverência. Então Fortress era uma espécie de avatar da Torre... Não lembrava que ela tivesse essa capacidade — embora, admitisse, ele nunca tenha ficado muito tempo no comando da construção — tarefa usualmente realizada por Azog ou Linus (ainda que a contragosto, no caso do último).

De qualquer forma, Ibelin já estava constrangido por aquela garota ficar daquele jeito há tanto tempo. Não estava acostumado a ser tratado com tamanho grau de respeito por qualquer um, mas não sabia muito bem como fazer para que ela parasse. Preferiu falar.

— Er... Certo. Você é a Torre. Er, Fortress... Pode se levantar, não precisa ficar assim.

Era muito estranho imaginar que estava conversando com uma construção.

— Não sabia que você era capaz de fazer, bem... isso. Por acaso é algum poder que o Linus implantou em você?

As engrenagens na cabeça de Ibelin ainda estavam processando as informações recém-adquiridas.

— Você disse que será atacada. Como assim? Quem está a caminho? Como eu posso ajudar?
Tentando usar a parte colorida da massa cinzenta.
https://twitter.com/tiagoriebir

Avatar do usuário
DiceScarlata
Mensagens: 1499
Registrado em: 22 Jan 2017, 02:15

Re: WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Mensagem por DiceScarlata » 03 Abr 2018, 20:47

Rasalgheti + Linus e Azog
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Com todo o respeito Shivara, mas eu não respondo a ninguém senão aos bons Deuses. Sou um defensor dos fracos e oprimidos e tenho por dever proteger toda Arton da ameaça que for. Se querem minha espada, podem contar com ela, mas não pensem que vou me curvar ou seguir qualquer ordem que vá contra tudo que acredito, defendo e represento.
*A rainha-imperatriz, apenas por respeito aos libertadores, não havia expressado seu desgosto pelo desrespeito quase criminoso, que em quaisquer outras situações acarretariam em prisão ou punição pior. A devida forma de se dirigir a uma autoridade superior, não era uma questão de opção e sim lei. E quando se está no território daquela autoridade, você cumpre.r*

*Entretanto, ela conteve o desgosto, por saber da fama peculiar do paladino, dita até mesmo pelo seu líder. A rainha apenas de um olhar surpreso a Azog, quando Ras disse "Eu não respondo a ninguém", imaginaria que haveria mais imposição como lider dos libertadores, mas também lembrou-se, que eram aventureiros e não soldados*

Shivara Sharpbalde, Rainha-Imperatriz
Imagem
- Paladino Rasalgheti, não peço que cometa atos vis, que vá contra sua crença, mas em tempos de guerra há atos e ordens que vão contra aquilo que desejamos e queremos. Jamais desejaria ver um guerreiro santo maculado e se a batalha exigir isso, poderá abster-se. Mas está em meu reino, portanto, em respeito devolutivo, há de respeitar nossas leis e uma cadeia de comando. É o minimo que espero de um soldado divino de seu porte.
*Conforme Rasalgheti apresentou sua opção de estratégia, mesmo aqueles dentre os aliados que não haviam gostado da atitude dele, concordaram com o pensamento. Dividir e conquistar parecia ser uma boa ideia... Mas seria mesmo possível? Não tinham ideia do poder total da cidade de DIS ainda*
Uluan
Imagem
- Eu ouvi quando a voz viva dentro do gigante gritou o nome de DIS... Nas linguagens antigas, eu acho.. NÃO, tenho certeza... Significa "deus". "A cidade de deus", uma cidade feita para carregar uma divindade... Será... Que a rainha dos massacres está lá???
*O silêncio predominaria... Até Rasalgheti se virar para partir... Sem antes ofender, diante de todos, o regente-general de Yuden*
Rasalgheti Solaris
Imagem
- A propósito, Shivara, geralmente eu não dou a mínima para idiotas, mas quando esses idiotas começam a prejudicar pessoas boas, eu me vejo obrigado a intervir. No momento, tenho um problema maior em mãos e não tenho tempo a perder, então vou apenas alertá-la. Acho que deveria reconsiderar sua escolha de general comandante supremo ultra mega blaster qualquer coisa. Esse teu escolhido vai contra todos os ideias que defendi por toda a vida, defendo até hoje e continuarei a defender pelo resto da vida. Os fins não justificam os meios. Não adianta fazer um bom caminho e não obter resulta e nem obter resultado por um mal caminho. Então recomendo que pense bem antes de colocar a vida de tantos soldados nas mãos desse cara. Se quiser mais detalhes, é só perguntar aos outros.
*O termo "idiota", dirigido a uma entidade recém-eleita, em tempos de lei marcial e uma nação como Yuden, poderia gerar GUERRAS. EXECUÇÕES. Todos ficaram tensos. Shivara ergueu as sobrancelhas. Não imaginava que tipo de relações havia entre os dois, para tal ofensa ser feita diante de TODOS os aliados, soldados e da própria rainha.

*Mas Hadrian não respondeu. Habilmente, escolheu não responder. AZOG e LINUS puderam perceber isso de imediato. Pois quando o paladino retirou-se com suas palavras finais, não havia apenas deixado um dúvida e uma má impressão: Mas abandonara o direito de defesa que apenas um individuo tem sobre si mesmo.
Gen. Hadrian
Imagem
- É uma pena, de verdade. É verdade que eu e os notórios libertadores, divergimos de ideais, pensamentos e conceitos, ainda sim, respeito sua força em batalha. Pois independente de vontades e crenças individuais e egoístas, há algo maior aqui em jogo aqui. Se o libertador de valkaria e paladino dos deuses não pode deixar suas emoções de lados e trabalhar comigo em prol de salvar a todos, apenas lamentarei. Eu não deixarei. Não deixarei que minha visão de mundo influencie no meu julgamento ou minha capacidade militar. Resultados é o que vocês esperam, não é mesmo?
*Dirigiu-se a rainha e curvou a cabeça*

Gen. Hadrian
Imagem
- Os fins não justificam os meios? Sabemos que não é verdade, não é majestade? Talvez em romances de histórias para crianças sim, mas não na guerra. Foi o seu sacrifício pessoal no casamento com nosso antigo soberano, que não só a elevou a posição que está, mas também ajudou a salvar o mundo da ameaça do crânio negro. Foi o sacrifício de Orion Drake, que destruiu a tormenta, junto a decisões pesadas que o levaram até mesmo a julgamento em sua terra natal. Ele não pensou nos meios. Mas por pensar no fim que muitos hoje podem dormir em paz em suas camas. Muitos fins que nos permitiram vir tão longe até aqui, foram obtidos através de meios, que não gostamos, mas executamos mesmo assim!!! EU SACRIFICAREI MINHA CARNE, SANGUE, TAL COMO QUALQUER SOLDADO DE YUDEN O FARÁ, POR ESSA NAÇÃO, PELO REINADO, POR NOSSO MUNDO!!! WERRA NÃO NOS TOMARÁ!! E MAIS!
*Olhou a todos os aliados, na mesa e espalmou a mão sobre ela*
Gen. Hadrian
Imagem
- NÓS ENVIAREMOS UM RECADO PARA OS DEMONIOS E GUERREIROS DE WERRA E DE TODOS OS REINOS DO DEUSES, QUE ARTON É O LAR DOS MAIS PODEROSOS!! AQUELES QUE NÃO DESISTEM DE SEU LAR! DE SEUS IRMÃOS DE ARMAS!! LUTAREMOS ATÉ O ÚLTIMO DE NÓS!! E MESMO QUE SÓ RESTE UM, ARTON TRIUNFARÁ!!! ERGAM SUAS ARMAS, ALIADOS DO REINADO!! VENCEREMOS JUNTOS!!
- OH!!

*Foi um grito uníssono que seu impeto, elevação de voz e tom trouxe dos soldados de yuden e aliados do reinado ali presente, exceto talvez, Aeron Ironwolf. Novamente, Linus e Rasalgheti podiam ver o quão perigoso ele era. Aproveitou-se da ausência de Rasalgheti, que não poderia se defender (e ser defendido certamente traria um efeito contrário), usou a opinião negativa e o próprio uso de suas palavras, contra ele. Era necessário ter muita cautela, pois ele devolvia flechas, com flores. E havia colocado todos ao lado dele*
Gen. Hadrian
Imagem
- Novamente peço, vossa Alteza, general Azog! Lute a meu lado contra as forças de Werra! Sua fama não é algo que precise ser provada diante de ninguém, mas tenho certeza, que vê-lo ao meu lado, tornará nossas tropas ainda mais inspiradas e poderosas! Lutemos juntos pela liberdade!
*Provocação. Armadilha. Era óbvio somente a Linus e Azog. Mas para os demais, sinceridade. Como responder a ele? *

____________________________________________________________
Ras - parte 2.

*Ao pousar no pátio do castelo, caindo de uma altura considerável, sem ferir-se, Ras depara-se com o pátio de treino dos soldados, onde os cadetes olhavam confusos na direção de um dos quartéis. Ao avistá-lo, um deles corre em sua direção*

- SENHOR RAS!! O SENHOR IBELIN... FOI SEQUESTRADO!!!!

*Diz o jovem cadete, de não mais de 13 anos de idade*

O que fará?
IBELIN E FORTRESS

*A menina clamava por ajuda, causando confusão a Ibelin. As crianças ja seguras, não estavam mais a vista. A fortaleza agora se tornava mais reconhecível, mesmo com teias de aranha, poeira e gelo para todo o lado*

*Enquanto conversavam, som reverberado pela terra, passou dos pés da dupla até seus ouvidos*

*Uma marcha. Algo estava vindo *

Editado pela última vez por DiceScarlata em 22 Mai 2018, 20:18, em um total de 1 vez.
Tribo Scarlata


- MUNDO DE ARTON: GRUPO MADEIRA DE TOLLON (on):Angra Cabelos de Fogo
- MUNDO DE ARTON: GRUPO AÇO-RUBI (on): Jihad das Areias Vermelhas
- MUNDO DE ARTON: GRUPO JADE (on):Sr. Fuu
- JOHNVERSE: PRESA DE FERRO (on): Jinx - Cruzado da Ordem dos cabeças de Dado
- JUDASVERSO: CRÔNICAS DA TORMENTA (on): Nagamaki no Gouka!
- FUI REENCARNADO COMO MONSTRO (on): Gizmo
- OUTONO (on): Sandman

Avatar do usuário
Kaidre
Mensagens: 5756
Registrado em: 11 Dez 2013, 14:40

Rasalgheti Solaris, O Fênix Negra

Mensagem por Kaidre » 04 Abr 2018, 16:57

Diante as palavras da Imperatriz, o imortal não pode deixar de apresentar suas razões.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Pois bem majestade.
Uma vez que Shivara parecia ignorar o paladino devido sua forma descontraída de agir, ele resolveu adotar uma nova postura. Até mesmo realizando uma mesura educada, valendo-se de uma etiqueta impecável.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Devo informar que o atual comandante geral é um homem que não hesitaria nem por um milésimo de segundo em sacrificar seus subordinados em prol de seus objetivos.
Dificilmente alguém acreditaria que aquele era o mesmo Rasalgheti Solaris que a pouco comportava-se com tão pouca elegância.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Além disso, tenho 90 anos de experiência nos mais diversos campos de batalha contra os mais variados oponentes. Eu seria um comandante muito melhor que ele em qualquer situação.
Do lado de fora, um jovem soldado vem alertar o paladino a respeito do sumiço do companheiro.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Como assim garoto? Eu tenho certeza que NÃO vi Ibelin com meus dois olhos!


Para ele, o colega estava apenas oculto durante a reunião e considerou, erroneamente, que não vê-lo era prova de que estava lá.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Não. Espera. Conte-me em detalhes o que aconteceu.


Após ouvir o relato o imortal suspirou e gritou aos céus.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Azgher! Me dê a visão além do alcance! Ibelin, eu já estou indo ao seu resgate, mas depois será sua vez de me ajudar.

Uso patrono para saber o que houve com Ibelin em detalhes e depois novamente para ir ao seu encontro.

Avatar do usuário
kaito sensei
Mensagens: 1614
Registrado em: 12 Dez 2013, 15:46
Localização: Cair Paravel - Nárnia
Contato:

Re: WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Mensagem por kaito sensei » 05 Abr 2018, 15:20

Linus olha para o suposto objeto. Só via um graveto. Ras dizia que aqueles com pouco intelecto somente viam um graveto. Imaginou se não era o contrário. Mas do pouco que conhecia o caótico paladino, resolveu acreditar nele, desta vez.
Linus
Imagem
Oooookay... Se me dão licença, vou dar uma olhada nele.
Linus focou seus olhos especiais no graveto, para ver se via algo de diferente nele. Em seguida, o mandaria para academia arcana com uma magia de teleporte, acompanhado de uma carta endereçada ao departamento que trata da Tormenta, para estudo. Ocupado com isso, não estava dando muita bola para o debate, muito menos para a "ameaça" de Hadrian. Apenas se voltou para a conversa depois de ouvir as provocações de Rasalgheti. Concordava com elas, mas sabia que ali não era hora e nem lugar de proferi-las. E além de tudo ele simplesmente saiu e deixou a bomba nas mãos de Linus e de Azog. Olhou ao redor e somente agora percebeu que Ibelin não estava ali.
Linus
Imagem
Oh céus... Justo agora aquele cachaceiro me some...
Esse não era o tipo de problema que Linus estava acostumado a lidar(por preguiça obviamente). Preferiu deixar tudo nas mãos de Azog, apenas lançando para ele um olhar e dando uma balançada de cabeça em aprovação.

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 8604
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

AZOG IRKHAZOG

Mensagem por Padre Judas » 28 Abr 2018, 14:03

Azog piscou, um pouco incrédulo. Aquela mulher queria dar ordens a ele, impor sua vontade sem nem mesmo discutir com seus aliados antes. Era um absurdo.
Azog Irkhazog
Imagem
- Antes de mais nada, minha esposa não ficará aqui. Vou enviá-la a Kalevala, onde estará segura em um ambiente familiar. Informarei aos sacerdotes para vigiá-la. Tenho certeza de que ela estará segura sob a proteção de nossos deuses. Afinal de contas, nossos padroeiros não nos traem.

- Segundo, meus Lanças, assim como seus soldados, não são mais fracos que a média. Qualquer um abaixo de certo patamar poderia ter sido controlado e ninguém está a salvo disto. Quem garante que o resto de suas tropas também não esteja sob influência, general? Se vamos nos preocupar com isso, então deveríamos deixar todo o exército pra trás? Meus Lanças irão à batalha. Confio minha vida a eles.
Então se volta para a Imperatriz.
Azog Irkhazog
Imagem
- Há um equívoco aqui, Majestade. Nós, os Libertadores de Valkaria, estamos aqui como aliados e não como súditos. Do mesmo modo Kalevala se faz representar por razões de solidariedade e não por vassalagem. Somos um país neutro. E na qualidade de embaixador de Kalevala e líder dos Libertadores, me oponho à sua indicação. Em uma guerra soldados morrem e isto é inevitável. Um bom estrategista deve estar preparado para sacrificar bons guerreiros em prol da vitória, mas acredito que há uma linha tênue entre o militar eficaz e o cruel. O Gen. Hadrian demonstrou na batalha recente não dar nenhum valor à vida de seus subordinados, deixando-os à mercê dos caprichos do inimigo. Não o considero digno de ocupar esta função. De qualquer modo, concordo que Yuden é um problema dos yudenianos, mas Malebolge é um problema nosso. Podemos ajuda-los na batalha contra Dis... mas nunca obedeceremos este homem inferior. Antes de passarmos ao próximo tópico, sugiro que escolha outra pessoa. Alguém que seja mais... respeitável.
Off:

Vou usar Ação em Parceria novamente, Manipulação e Língua Ferina de Elysande para convencer Shivara e quaisquer outros entre os presentes da necessidade de escolher outro general.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Aeris (Monster Life)
Kallyan de Callistia (Mundo de Arton: Contra Arsenal, TRPG)
Katarina Minsk (Libertação de Valkaria, TRPG)
Tyr de Nilo (Mundo de Arton: Grupo Gelo Eterno, TRPG)
Vladimir Minsk XI (Outono)

Avatar do usuário
DiceScarlata
Mensagens: 1499
Registrado em: 22 Jan 2017, 02:15

Re: WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Mensagem por DiceScarlata » 22 Mai 2018, 22:39

Ibelin e Rasalgheti
Fortress
Imagem
- Espere, mestre. Mais um está vindo.
*Do alto do salão arruinado um sol ascendeu. Literalmente. Uma esfera flamejante aqueceu a tudo e despejou uma rajada contra o chão. Qualquer vestigio de gelo no local foi varrido, evaporando-se. O clima frio já não parecia mais ser uma ameaça. Da rajada, surgiu Rasalgheti. *
Fortress
Imagem
- Bem vindo, mestre Rasalgheti. Sou Fortress, a fortaleza dos libertadores. Sou "aqui". Obrigada por vir também. Eu temia que estaria sozinha nesta luta. Vejam.
*Ela aponta em direção a uma saída. Ao sair por ela, irão se deparar com uma sacada. Desta sacada podem admirar a imensidão pálida da montanhas uivantes... E um tapete negro a marchar em vossa direção. Um exército. Goblinoides.

Imagem
Imagem
Fortress
Imagem
- Sim. Eles são a aliança negra. Mas não a aliança negra. São a aliança negra que enfrentou Azog, os libertadores e o Kalevalanos em combate e morreram por isso. São aqueles que não cultuavam a morte, mas sim a guerra. Eles são de Werra. Estão atrás do infante e acredito que ao me conquistarem, o atrairão para cá. Por favor. Me salvem.
*O exército está a meia hora do ali. São três batalhões armados e furiosos, subindo a montanha&

O que farão?

_____________________________________________________
Azog

*Após as palavras de Azog, um pesado silêncio se fez no salão. Shivara o encarava atônito. E então deslizou o olhar para Hadrian, imaginando que tipo de envolvimento acontecera entre eles. Mas claro, tal calmaria não se manteria muito tempo, principalmente depois que Hadrian, discursando após a saida de Ras, havia conquistado a todos com seu ímpeto*
Agatha, Líder da companhia dourada
Imagem
- Pff... AHAHAHAHAHA!!! Olhem só! O infantezinho de Kalevala está querendo tratamento especial! Ele é realeza gente, tratem-no com com carinho!! AHAHAHAHAAHA!!
Dorothyr
Imagem
- Pare, Agatha. Azog é um heroi de Arton e tem direito a palavra e a uma opinião.[/b]
Agatha, Líder da companhia dourada
Imagem
- O "heroi" de Arton, parece não entender de hierarquia militar ou de guerra! Um aliado oferece suas forças a um país, mas não quer ser liderado, não quer cadeia de comando e quer fazer o que quiser em terras estrangeiras!! Infante ou infantil, eu me pergunto! AHAHAAHAHA!
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Silêncio, Agatha. Azog não lhe faltou com respeito e você também, não faltará com ele.
Evangeline Escama de Ferro
Imagem
- Com todo respeito, majestade, ainda que os modos de Agatha estejam distorcidos, ela tem razão. Senhor Azog, ninguém o toma como servo aqui, mas está na jurisdição da rainha Shivara Sharpblade. E estamos em lei marcial. Não goza de nenhum privilégio diplomático. É um guerreiro como nós. Minha rainha não o toma como empregado, mas como um protetor do reino, capaz de entender que certas regras precisam ser seguidas, para que o caos não prevaleça e não dê vantagem a nossos inimigos. Não são suditos, mas nem por isso, estão aquém de obedecer a Rainha-imperatriz do reinado em seu território. Ser um libertador não o coloca acima de nenhuma lei.
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Evangeline...
*Shivara se mantinha calma. Não parecia ofendida, ao contrário de seu protetora, que claramente achara um insulto as palavras do Infante. Dorothyr ainda ponderava as palavras de Azog e Agatha ainda balançava a cabeça negativamente, incrédula e caçoando*
Sir Indrael
Imagem
- Entretanto, Azog fala com propriedade. Se este homem não valoriza as vidas de seus homens, não irá valorizar as dos meus. Nem as de qualquer um de vocês. Não vejo por que ele mentiria sobre este assunto, que deve ir além de uma questão pessoal. Afinal, Milady Evangeline e Lady Agatha. Ele escolheu agir dessa maneira INDEPENDENTE de tudo o que disseram. Talvez se colocassem seus valores de lado e tentassem entendê-lo. Empatia é a palavra.
Agatha, Líder da companhia dourada
Imagem
- É claro que o cavaleirinho está reclamando. Mesmo que Belefeld seja um exemplo de reino em decadência moral e que não hesitaram em pedir ajuda e serem liderados por Yuden, mesmo na época em que os puristas mandavam aqui...
Sir Indrael
Imagem
- Não sou culpado pelos erros de minha pátria. Só culpado por deixar os inocentes que nela vivem, morrerem. E creio que um cavaleiro possa falar mais de moral que uma mercenária.
Garanhão Negro
Imagem
- Mai di novo, chê? Enquanto ceis tão brigando, a potranca de aço ta vindo pra cá, num tá? Tamo aqui pra lutar e defende Yuden, pra eles deverem pra nós. Se a majestade falo que ele serve, deve ter a razões dela também num é? To achando que o bicho palido ali também não quis ter muita empatia não, viu seu enlatado? Ta de rixa com o general lá e deu showzinho na frente das nações tudo. Se a rainha falou, que seja. Agora vamo pará e defender isso aqui ou não?
General Zoldivier
Imagem
- Hahahahahhaahhaha! Eu disse desde o inicio! Ele está aqui apenas para causar desordem entre nós. General Hadrian foi cortês e educado e convidou Azog para que liderasse este ataque! E veja o que o hobgoblin diz! Veja como ele trata a rainha imperatriz do reinado! Quer consultado por decisões militares de Yuden, sendo um estrangeiro! Oferece seus soldados, mas quer levá-los onde quer em nossa nação? REPITO! DISCURSO DE TRAIDOR!!
Dorothyr
Imagem
- Não foi o que Azog disse, General. E você sabe. Azog apenas quis ser consultado pela decisão, como creio que todos seriam. É verdade que geralmente aliados seguem a liderança do pais que vão auxiliar. É o território deles. Mas! Se a decisão não é a mais adequada, podemos e devemos questionar. Afinal, obediência cega não leva ninguém a nada não é? E já houve casos em que exércitos inteiros foram liderados por aqueles vindos de fora. Não foi assim co Orion Drake, que tanto citaram, em Trebuck? Vossa Majestade tem seus motivos, Azog também e creio que ninguém deve ser atacado por isso, pois todos desejam a mesma coisa: A salvação de Arton, não é? [/b]
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Todos falaram. Agora escutem. De fato, havia o desejo de um conselho para tomar essa decisão. Mas a Cidade de Dis está vindo. Yuden está em batalha.O mundo está em perigo. Não há tempo para isso, NÃO agora. As decisões de um regente ou um lider nem sempre são apreciadas. Todos vocês sabem disso. E os que não sabem, precisam começar a se preocupar um pouco. Mas se a tomei não foi as cegas. Não foi na ignorância. E não entendê-la, não a torna equivocada.
*Tomou folêgo e falou a todos*
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Quando assumi, questionaram eu aceitar a formação da liga independente. Permitir que aqueles que desejarem, saíssem do reinado. Muitos foram contra. Mas o faço por que respeito a liberdade. E sei que mesmo em facções diferentes, todos desejamos proteger o que amamos e o lar em que vivemos. Sei mais do que ninguém o que é lutar ao lado daqueles que com os quais não compartilhava idéias, mas cuja força era necessária para salvar milhões. Mas essa foi uma decisão minha. Como guerreira e regente. A tomei por que fui além de mim. Mas não obrigarei ninguém a fazê-lo. Como Azog disse, não é meu súdito. E nem preciso de um agora. Preciso de soldados. guerreiros e heróis. Preciso daqueles que são capazes de lutar por algo maior e vencer, fazendo o que for necessário. Portanto...
*Recostou-se e encarou firme*
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Não obrigarei ninguém a ficar.
*E encarou o general-regente*

Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Algo a dizer, General Hadrian?
Gen. Hadrian
Imagem
- Talvez. Mas a começar, eu não sacrifiquei ninguém. Os soldados de Yuden escolhem morrer, se necessário, por Yuden. Cada um deles. Tal qual nenhum de meus soldados hesitaria em me deixar morrer, em prol da vitória, sabendo que eu, estou tão pronto como eles, eu não hesito em confiar nestes soldados, a ponto de não me dobrar a chantagens dos inimigos. Eu não busco tratamento especial e nem ser privilegiado. Mas também... Eu não sou da realeza.
*Com essa alfinetada, caminhou até Azog, aceitando ficar cara a cara com ele, olhos nos olhos, como se o desafiasse a uma agressão ou a disputa de palavras*
Gen. Hadrian
Imagem
- Eu lutei ao lado dos seus. Sacrifiquei carne e sangue para proteger a vida de seu mago. E por isso ele está ali. Por mais que nossos pensamentos não se alinhem, fomos capazes de lutar lado a lado e vencer. Aqui estão exércitos de diferentes nações aliadas. O poder de Yuden se concentrando aqui, vindo de todos os cantos do mundo, onde estavam espalhados. Uma base segura. Uma linha de defesa protegendo o coração do reinado. Recursos. Provisões. Uma fortaleza. E eu fui eleito seu general. Não por minhas ideias, mas por meus méritos. Por batalhas que venci antes mesmo de você chegar. Por vidas que perdi, salvando dez vezes mais. Eu contei cada uma delas, Lembro o nome de todos. Não esqueci nenhum. E por isso, Azog. Este homem inferior, é seu lider.
*Aproximou-se mais um pouco*
Gen. Hadrian
Imagem
- Mas lembre-se, que quem está julgando é você. Está livre para ir e não lutar ao lado dessa aliança. Pode pegar seus homens e seus aliados e partir. Que seja. Se acredita que poder vencer a rainha dos massacres sozinho, faça. Não irei impedir. Ninguém irá. Mas quero que saiba, que se fosse Kalevala a precisar de YUDEN, eu aceitaria o seu comando, independente de nossa relação. Eu lutaria por sua nação. Por nosso mundo. E VOCÊ?
*Enquanto estava proximo, Hadrian parecia querer dizer algo com seu olhar. Sua mãos realizavam sutis gestos, seus dedos tamborilavam sobre a mesa e batia a bota de vez em quando. Elysande podia notar um padrão ali, mas era... complexo. Shivara ergueu-se e dessa maneira, Hadrian se afastou. Agora a altiva guerreira se aproximava de Elysande, segurando-lhe as mãos e depois sussurrou a Azog*
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Por favor. Confie em mim. Tenho minhas razões. Se acreditar, podemos falar depois. Mas agora... Temos que enfrentar DIS.
Gen. Hadrian
Imagem
- Se terminamos aqui, podemos seguir? Garanto que se eu falhar em liderar esse exercito, abdico eu mesmo da liderança. Por hora, você falou em Malebolge entào retomo minha pergunta, já sabe onde ele está? E se aceitar liderar este ataque, qual decisão tomará? Uma guerra de frente? Ou irá invaidr a cidade de Dis como um aventureiro? O tempo está correndo Azog.
A Batalha social foi travada.

A favor de Azog: Dorothyr de Zakharov e Indrael de Belefeld. General Ironwolf.

A favor de Hadrian: Garanhão Negro de Namalkah, Agatha de Portsmouth e Evangeline do Protetorado. General Zoldivier.

Shivara: Neutra.


Azog agora deve lidar com duas questões:

- ONDE ESTÁ MALEBOLGE (desafio intelectual de Hadrian)
- A extra quest.

EXTRA QUEST
A DECISÃO DO ESTRATEGISTA - AZOG.
3 XP - Escolha e elabore uma estratégia para enfrentar a Cidade de Dis[. Distribua e encaminhe aliados e decida cursos de ação.
5 XP- Se a estratégia realizada por Azog levar a vitória, receberá 5 de XP, não apenas 3.
/b]

Essa é apenas a PRIMEIRA extra quest. As demais serão reveladas ao LONGO da aventura.
LINUS

*O assunto se desenvolvia ao seu redor. Gargalhadas, brados, conversa. Até mesmo seu nome foi citado por uma voz que lhe causava irritação. Mas vocë se sentia imerso. Distraído. Incapaz de prestar atenção a qualquer outra coisa. Pois seus olhos estavam ativos... E focados naquele graveto sem vida.*

*Primeiro, você apenas examinou a madeira. Depois, como se tivesse uma visão microscópica, foi vendo além dela. Seu pequeno defeitos, rachaduras e poroso. Dentro deles, vermelho. O futuro. Você viu uma Arton... Em alguns anos. Meses talvez. Ou serão dias? A guerra tomando a tudo. Mesmo aliados ali naquela sala, agora se combatiam. Um império avançava contra uma aliança escura. Um reinado jazia desprotegido e mesmo assim lutava contra si mesmo. Os grandes deuses em silêncio e os menores tomando o palco. Sangue, morte. Arton a beira do colapso*

*Então eles. Eram.. deuses? Eram... Lefeu? Eram tormenta. Eram o futuro.

Imagem


*Tanto Artoniano, quanto aberrante. Um caído, caçando os seus. Uma guerra que engoliu o mundo inteiro. *

*Então... No meio de tudo. Olhos te encaravam. Mil olhos no meio de uma floresta. Uma floresta dentro de um reino, onde milhares de pares de olhos encaram você agora. Olhos maravilhosos e terríveis*

*Alpha. Aquele que vê além de todos os outros.*

*Eles estão vendo você*
_____________________________

*Você volta a si e Azog se vê diante de outra decisão. Tudo o que você sabe é que algo está para acontecer... E que a única maneira de entender isso, talvez seja vendo mais.*


O que fará?

EXTRA QUEST
A ORIGEM DOS OLHOS MAGICOS - LINUS.
3 XP - Descubra a história por trás do Sitgma.
5 XP- ???


Editado pela última vez por DiceScarlata em 02 Jun 2018, 03:35, em um total de 2 vezes.
Tribo Scarlata


- MUNDO DE ARTON: GRUPO MADEIRA DE TOLLON (on):Angra Cabelos de Fogo
- MUNDO DE ARTON: GRUPO AÇO-RUBI (on): Jihad das Areias Vermelhas
- MUNDO DE ARTON: GRUPO JADE (on):Sr. Fuu
- JOHNVERSE: PRESA DE FERRO (on): Jinx - Cruzado da Ordem dos cabeças de Dado
- JUDASVERSO: CRÔNICAS DA TORMENTA (on): Nagamaki no Gouka!
- FUI REENCARNADO COMO MONSTRO (on): Gizmo
- OUTONO (on): Sandman

Avatar do usuário
Tiagoriebir
Mensagens: 845
Registrado em: 27 Ago 2015, 12:55
Localização: Porto Alegre, Namalkah

Re: WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Mensagem por Tiagoriebir » 24 Mai 2018, 18:21

— Enfim um rosto conhecido que não quer me matar ou me transformar em uma máquina de destruição! Olá Ras. — Cumprimentou o paladino com um toque no braço.

Depois, da sacada que Fortress havia indicado, o guerreiro destampou uma cabaça de bebida e entornou um farto gole enquanto observava a aproximação da horda. Questionou o colega.

— Então, Fenix Negra... acha que consegue levá-los todos até Folkvang? Teríamos vantagem lá. O que acha?
Tentando usar a parte colorida da massa cinzenta.
https://twitter.com/tiagoriebir

Avatar do usuário
Kaidre
Mensagens: 5756
Registrado em: 11 Dez 2013, 14:40

Rasalgheti Solaris, O Fênix Negra

Mensagem por Kaidre » 26 Mai 2018, 12:40

O paladino desceu dos céus surgindo dentro da fortaleza congelada, trazendo consigo a luz e o calor do Sol.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- É bom estar aqui de novo.
Ele olha ao redor reconhecendo Ibelin e notando a garota que se apresentava.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Que surpresa Forretress. Eu sempre quis saber o que tinha por baixo da sua concha esferica, além dos quatro canhões em suas laterais. Nunca imaginei que seria uma garota.
Observou o exército goblinoide que marchava em direção ao castelo. Pegou a cabaça da mão do colega.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Não seja egoísta.
Jogou um pouco da bebida ao chão.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Esse é oferenda.
Em seguida solveu um gole generoso.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Fwaaaa. Agora sim estou aquecido.
Falou com um sorriso enquanto devolvia a bebida a Ibelin. Voltou a observar o exército.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Respondendo a sua pergunta, sim, eu posso. Mas fazer isso seria ignorar as vantagens que temos por aqui mesmo.
Então apontou para a montanha coberta de neve.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Veja, podemos provocar uma avalanche para soterrar pelo menos um batalhão.
Olhou para Fortress.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Forretress, como estão seus armamentos? Não acho que você irá precisar lutar agora, mas se tiver poder de fogo, gostaria de usá-la para enfrentar DIS. Embora também não ache que precisará já que estou aqui.
Sorriu e depois voltou-se a Ibelin.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Acha que pode deixar Forretress invisível? Não vai servir para enganar os goblins, mas posso move-la para Folkvang enquanto isso e pegamos mais um batalhão em uma armadilha.
Então começou a explicar a ideia.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- Eles provavelmente sabem que enfrentarão resistência ao tentarem invadir. Mas duvido que esperem não encontrar Forretress aqui. Devem esperar que esteja invisível, mas não que tenha sido movida para outro lugar.
Então sorriu aos dois.
Rasalgheti Solaris
Imagem
- O que acha Forretress, quer sair daqui?

Avatar do usuário
Tiagoriebir
Mensagens: 845
Registrado em: 27 Ago 2015, 12:55
Localização: Porto Alegre, Namalkah

Re: WERRA ATACA! - EPISÓDIO 6: CIDADE DE DIS!

Mensagem por Tiagoriebir » 26 Mai 2018, 17:42

Ibelin pegou a cabaça depois que Ras lhe ofereceu. O gesto do paladino lhe lembrou o motivo de sempre evitar ter que agir apenas com ele. Detestava sua obsessão por si mesmo e incontestável loucura. Um minuto na presença dele era mais que o suficiente para fazê-lo questionar o porque dos deuses concederem poderes a um guerreiro como aquele. Mas os próprios deuses também não eram exemplos de estabilidade emocional e lógica, então acabava concluindo que escolheram um servo condizente a eles.

Quando Azog ou Linus estavam presentes, Ibelin deixava que um deles conduzisse a conversa com o paladino. Ele não tinha a mesma paciência. Ainda assim, tentou argumentar.

— Sou capaz de tornar o forte invisível, mas isso vai despender um gasto de energia que prefiro poupar. Se levaremos o forte para Folkvang de qualquer jeito, tanto faz ele ficar invisível ou não. Me referia a transportarmos os inimigos para lá, mas mover o forte pode realmente ser mais interessante. Você consegue levá-lo para outro lugar, depois que sair de Folkvang? Porque aí podemos simplesmente transportar a fortaleza e evitamos o combate.
Tentando usar a parte colorida da massa cinzenta.
https://twitter.com/tiagoriebir

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 8604
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

AZOG IRKHAZOG

Mensagem por Padre Judas » 27 Mai 2018, 15:37

Azog Irkhazog
Imagem
- Não me lembro de ter falado com vocês, que não tem nenhuma autoridade para questionar-me. De qualquer modo, minhas dúvidas são sobre a pessoa escolhida, obviamente indigna da posição. Se não conseguem perceber isso, então acho que vocês possuem um sério problema. Algo perigoso, devo dizer.
Gen. Hadrian
Imagem
- Mas lembre-se, que quem está julgando é você. Está livre para ir e não lutar ao lado dessa aliança. Pode pegar seus homens e seus aliados e partir. Que seja. Se acredita que poder vencer a rainha dos massacres sozinho, faça. Não irei impedir. Ninguém irá. Mas quero que saiba, que se fosse Kalevala a precisar de YUDEN, eu aceitaria o seu comando, independente de nossa relação. Eu lutaria por sua nação. Por nosso mundo. E VOCÊ?
Azog Irkhazog
Imagem
- Não minta – isso só piora minha opinião sobre você. Eu sei como tratam goblinoides em sua terra. Eu sei que vocês não viriam. Então não invente, general.
O infante considerava seriamente abandonar aquela reunião. O Reinado bem poderia se virar sozinho como haviam feito em Amarid ou nas Guerras Táuricas... Azog sorriu. Mas não podia deixar o povo à mercê daquele mal. O povo ignorante que era apenas um joguete para aquelas pessoas.
Rainha Shivara Sharpblade
Imagem
- Por favor. Confie em mim. Tenho minhas razões. Se acreditar, podemos falar depois. Mas agora... Temos que enfrentar DIS.
Azog Irkhazog
Imagem
- Falaremos, então. Af... muito bem, deixemos que o Gen. Hadrian lidere como quiser. Mas além de Dis precisamos libertar a Caverna do Saber da dominação demoníaca. Porque é lá que Malebolge está.
Azog olhou para sua esposa e lembrou-se de algo que ela lhe contara muito tempo atrás. Sobre Dis.
Azog Irkhazog
Imagem
- Dis é uma cidade-avatar criada por Keenn para conquistar mundos. Possui um grande poder que talvez supere o Kishin e o Colosso de Coridrian e adapta-se rapidamente às ameaças que enfrenta. Mas talvez tenha uma fraqueza ou duas. Uma delas são suas pernas. Se todas forem destruídas então a máquina irá parar onde está. Isto não cessará sua capacidade de lutar, claro, somente limitará seu raio de ação.

- Mas ela não é uma máquina autônoma, não possui vontade própria. É um veículo controlado por alguém. E existe um centro de controle nela. Segundo as histórias, o próprio Keenn controlava a máquina. Se enfrentamos um Deus Maior não temos a menor chance, mas não creio que ele viria pessoalmente para Arton – isto colocaria o equilíbrio do mundo em frágil risco, algo que não interessa a nenhum dos Deuses Maiores que com certeza interfeririam diretamente se fosse o caso. Podemos lidar com um avatar ou qualquer outra coisa que esteja ali.

- O plano é o senhor, General Hadrian, conduzir um ataque às pernas do construto. Tenha certeza de levar um bom e variado arsenal, alterne os ataques de modo que a fortaleza não possa se adaptar a eles. Se conseguir destruir todas as quatro a máquina não poderá mais se mover. Enquanto isso eu liderarei um pequeno, mas poderoso, grupo até o centro de Dis – ao próprio Trono de Deus. E nós enfrentaremos o que estiver ali, seja Keenn, um demônio, o que tiver que ser.

- Preciso reunir meus companheiros e também necessitamos repor nosssa forças. Vamos nos preparar, o tempo urge. Linus, vamos. Minha senhora, vou leva-la à Kalevala, ficará bem por lá.
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Aeris (Monster Life)
Kallyan de Callistia (Mundo de Arton: Contra Arsenal, TRPG)
Katarina Minsk (Libertação de Valkaria, TRPG)
Tyr de Nilo (Mundo de Arton: Grupo Gelo Eterno, TRPG)
Vladimir Minsk XI (Outono)

Responder

Voltar para “WERRA ATACA - TA: Aventura épica!”