Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Avatar do usuário
Kaidre
Mensagens: 5786
Registrado em: 11 Dez 2013, 14:40

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Kaidre » 30 Jul 2018, 09:48

Eu concordo com o Judas. Algumas liberdades não se deve dar a jogadores.

Criar cidades, estabelecimentos, NPCs quando se está no intervalo entre Missões, não tem problema. Agora, permitir ao jogador inventar itens encontrados pode ser um problema. Mesmo que seja algo simples, uma chave pode abrir a porta da cela...

Mas acho que pode ficar a seu critério. Se quiser experimentar eu topo.

Avatar do usuário
DiceScarlata
Mensagens: 1609
Registrado em: 22 Jan 2017, 02:15

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por DiceScarlata » 30 Jul 2018, 13:37

Olá pessoal. Falei com Aquila, mas falarei com vcs tb. Achei finalmente meu caminho nesse rpg e quero seguir com ele. Já estou usando ANGRA num rpg do John e achei q ela tinha morrido. Mesmo sendo universos e sistemas diferentes, prefiro variar e achei uma personagem que quero muito usar.

Como disse ao Aquila, só vou ter de editar os posts, mas a lógica comportamental é a mesma, então ele n precisaria me REINCLUIR. Só mudar nomes.

Agradeço e desculpem o incoveniente. Apresento, o jovem leão:
Agni C. Vermillion, o jovem leão (7N)
Imagem

F3, H0, R3, A2, PDFO
25 PVS 25 PMS

KIT
Paldino de Tauron (Força é tudo, sangue de Ferro)

Vantagem Regional
Sckharshantallas: Herdeiro do dragão

Vantagens:
Paladino 1 pt
Pvs extras 1 pt
Pms extras 1 pt

Desvantagens:
Código de Honra de Tauron e cavalheiros -2
Insano: Megalomaníaco -1
Ponto fraco -1 (Orgulhoso e teimoso)

HISTÓRICO

"Um dia o leão devorará uma dragão"

Foi o que jurou Agni, no leito de morte de sua mãe, uma de muitas concubinas de Sckhar, o rei dos dragões vermelhos. Como é sabido, o regente de Sckharshantallas possui muitos filhos, mas apenas alguns deles são abençoados o suficiente para herdar o sangue dracônico de seu pai. Esses, geralmente tornam-se elite, considerados príncipes com direitos a altos cargos de nobreza na corte do rei.

Mas quando se nasce herdando o sangue de sua mãe, seu destino é ser considerado apenas um bastardo. Carmine, da casa Vermillion era uma bela jovem em seus quatorze anos, dotadas com cabelos da cor pura do sangue, que atrairam o breve interesse do rei dragão sobre ela. Tirada de sua casa nobre, foi feita uma amante provisória, com a qual se divertiu por um tempo, até perder o interesse. Ao passar dos trinta e muito de sua beleza juvenil ter se extinguido, mal era requisitada, deixada a sorte com seu filho não amado ou desejado. A tristeza por ter vivido uma vida de servidão e sem sonhos a assolou e consumiu sua vida.

Agni jamais esqueceria das lágrimas que corriam em seu rosto enquanto partia para o reino dos deuses. Por isso tentou matar seu pai.

Mas o rei sequer se dignou a lhe enfrentar. Bastou um olhar para que fosse esmagado no lugar em que ficara de pé e escorraçado para fora do palácio sem qualquer direito. Desejou então força. Força para se vingar. Força para deter o tirano. Temia que com a queda de Khalmyr, aquele que restringia o dragão vermelho, uma era sombria se aproximasse de Arton. Então, depositou sua fé e desespero no deus que havia assumido o trono. Tauron. Ele pregava FORÇA e era isso que desejava. A força para destronar Sckhar e tomar seu trono. A força para matar outro deus.

Então, encontrou a ORDEM DO FOGO RUBRO uma ordem de cavaleiros e paladinos que oravam as três chamas: Azgher, Tauron e Thyatis, pregando ideais de vigilância, força e imortalidade. Logo foi aceito na facção do senhor da força, aprendendo a lutar com o estilo da espada pesada. Tamanha era sua ferocidade nos treinos que o chamavam de "jovem leão". Tão nobre e honrado, que jamais mentia, sempre ajudava os fracos e lutava justo. E acima de tudo. protegia as mulheres. Não por considerá-las mais fracas, mas por admirá-las acima de tudo e não desejar que nenhum mal acometesse o mesmo que sua mãe sofresse.

Agora, um lutador formado, Agni viaja como aventureiro para polir suas habilidades e adquirir o poder necessário para enfim, derrotar seu pai.
Tribo Scarlata


- MUNDO DE ARTON: GRUPO MADEIRA DE TOLLON (on):Angra Cabelos de Fogo
- MUNDO DE ARTON: GRUPO AÇO-RUBI (on): Jihad das Areias Vermelhas
- MUNDO DE ARTON: GRUPO JADE (on):Sr. Fuu
- JOHNVERSE: PRESA DE FERRO (on): Jinx - Cruzado da Ordem dos cabeças de Dado
- JUDASVERSO: CRÔNICAS DA TORMENTA (on): Nagamaki no Gouka!
- FUI REENCARNADO COMO MONSTRO (on): Gizmo
- OUTONO (on): Sandman

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3332
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Aquila » 30 Jul 2018, 18:30

Angra ainda não havia entrado integralmente na aventura, então podemos incluir Agni sem problema nenhum. Devo dizer que estou ansioso para ajudar a desenvolver o potencial do personagem, principalmente porque o leão é o símbolo que eu uso nas minhas aventuras para representar o Deus da Força entre os humanos.
Editado pela última vez por Aquila em 30 Jul 2018, 19:56, em um total de 1 vez.

Avatar do usuário
DiceScarlata
Mensagens: 1609
Registrado em: 22 Jan 2017, 02:15

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por DiceScarlata » 30 Jul 2018, 19:29

Aquila escreveu:Angra ainda não havia entrado integralmente na aventura, então podemos incluir Agni sem problema nenhum. devo dizer que estou ansioso para ajudar a desenvolver o potencial do personagem, principalmente porque o leão é o símbolo que eu uso nas minhas aventuras para representar o Deus da Força entre os humanos.
CARA!! QUE PERFEITO!!!!

VOU USAR!!

É Tauron o nome mesmo?? Ou tem um nome pronto?
Tribo Scarlata


- MUNDO DE ARTON: GRUPO MADEIRA DE TOLLON (on):Angra Cabelos de Fogo
- MUNDO DE ARTON: GRUPO AÇO-RUBI (on): Jihad das Areias Vermelhas
- MUNDO DE ARTON: GRUPO JADE (on):Sr. Fuu
- JOHNVERSE: PRESA DE FERRO (on): Jinx - Cruzado da Ordem dos cabeças de Dado
- JUDASVERSO: CRÔNICAS DA TORMENTA (on): Nagamaki no Gouka!
- FUI REENCARNADO COMO MONSTRO (on): Gizmo
- OUTONO (on): Sandman

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3332
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Aquila » 30 Jul 2018, 20:26

As aventuras que estou desenvolvendo se passam em Lamnor, mas cerca de mil anos no passado, por isso precisei reconsiderar o papel de alguns deuses no cenário, buscando um sentido maior dentro de uma sociedade medieval mais tradicional.

Azgher, Lin-Wu e Tauron foram os principais deuses que precisaram se adaptar aos tempos antigos (embora isso possa soar estranho), pois nessa época e região (de acordo com a minha história, devo reforçar) os minotauros e tamuranianos não representavam o mesmo que hoje. Isso, claro, não afeta os deuses de uma maneira geral (como eu cansei de defender nas discussões do fórum, quando ainda me importava), por isso eles têm aspectos humanos mais tradicionais.

O nome do Deus da Força nas minhas aventuras é Leander, patrono de cavaleiros, paladinos, guerreiros e esportistas em geral. Sua imagem varia muito, mas no geral ele é muito parecido com Hércules, um sujeito barbudo e musculoso, no ápice da força física (a base foi o Hércules do Lou Ferrigno), principalmente quando procuram ressaltam seu lado esportista, mas o leão está sempre presente de alguma forma, principalmente quando se trata das ordens de cavalaria. Estandartes, escudos e armaduras do leão fazem parte da indumentária dos paladinos e sacerdotes de Leander.

Claro que esses elementos fazem parte das minhas aventuras, mas podemos trabalhar com algo assim para a Ordem do Fogo Rubro, pois eu sou o maior defensor dos cultos alternativos. O Kaidre que o diga, por causa da minha insistência em criar um culto élfico.

Eu citei isso antes, mas a religião das fadas também não se baseia em uma única divindade, mas sim em um conjunto de conceitos, algo que me parece mais coerente do que os atuais aspectos para um cenário global como Arton, então apoio a criação de uma doutrina mais diversificada como a Ordem do Fogo Rubro.
Editado pela última vez por Aquila em 30 Jul 2018, 20:39, em um total de 1 vez.

Avatar do usuário
Kaidre
Mensagens: 5786
Registrado em: 11 Dez 2013, 14:40

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Kaidre » 30 Jul 2018, 20:37

Eu voto em Regulus. Porque sim. Gosto desse nome. PS: Escrevi ao mesmo tempo que o Aquila, mas ele postou primeiro.

Aliás, Aquila, pode me atualizar sobre as conquistas do Kelaste até o momento? Eu meio que já esqueci.... Foi mal. Mas você deve ter anotado em algum lugar certo?

No mais, podemos acelerar um pouquinho essa missão? Não querendo reclamar nem nada, adoro sua narração e a aventura até aqui, mas esses goblins meio que já se tornaram um problema grande para personagens que começaram com 5 pontos.
EU achei que íamos só lidar com alguns salteadores de estradas e nada mais. No máximo um grupo mais organizado que o previsto. Mas isso já virou guerra e acho que está um pouco acima das nossas capacidades. Vide a quantidade de NPCs que precisam estar ao nosso lado para nos ajudar.

Acho que depois que terminarmos essa, poderemos firmar o grupo e partirmos para a próxima missão. Acho que a partir da terceira o grupo já estará entrosado o suficiente para decidirmos por nós mesmos que caminho iremos seguir. Acho.

Agora só vou aproveitar os momentos que restam para desenvolver um pouco melhor a relação com Cornélia. Como você disse antes, ela e Kelaste mal podem ser chamados de colegas...


EDIT:
O post do Dice me lembrou de uma coisa na qual quero trabalhar. Uma ordem de clérigos a Glórienn. Até cheguei a mencionar isso no meu último post.
Claro que ao contrário do Dice minha ideia está em fase inicial, mas aproveitando a deixa, envolveria reunir as divindades patronas em Lanmor (escrevi certo?) e o fato de Kelaste estar conectado a tantos divindades diferentes, como já comentei antes.
Editado pela última vez por Kaidre em 30 Jul 2018, 20:43, em um total de 1 vez.

Avatar do usuário
Lord Seph
Mensagens: 13293
Registrado em: 09 Dez 2013, 17:50

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Lord Seph » 30 Jul 2018, 20:42

Régulos é a principal estrela da Constelação de Leão, mas Escanor é melhor :lol:.

Voto para irmos para o Feiticeiro e deixar outros resolverem o problema da AN.
Melhor queimar do que apagar aos poucos.
-Neil Young.
o lema dos 3D&Tistas
"-seremos o ultimo foco de resistência do sistema"
Warrior 25/ Dark Knight 10/ Demi-God.

Avatar do usuário
Aquila
Mensagens: 3332
Registrado em: 10 Dez 2013, 13:49
Localização: Lamnor
Contato:

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Aquila » 30 Jul 2018, 20:55

Kaidre escreveu:No mais, podemos acelerar um pouquinho essa missão?
Mas essa é a minha intenção, tanto que a discussão já está praticamente se encaminhando para a parte da ação.

Como eu disse antes, não pretendo me concentrar mais no drama, não como antes, pelo menos, optando por priorizar mais um estilo parecido com uma mesa tradicional, respondendo diretamente as ações dos personagens. Nesse caso, como três personagens já se manifestaram, Karen, Kelaste e Cornélia, pretendo atualizar a missão o quanto antes, justamente para agilizar as ações. Acho que quando o grupo começar a se mover, as coisas devem fluir mais naturalmente. Eu estava esperando um pouco mais (pouco mesmo), para ver se algum outro personagem se manifestava.
Lord Seph escreveu:Régulos é a principal estrela da Constelação de Leão, mas Escanor é melhor :lol:.
E as ideias começam a surgir. :D Quando se trata de nomes, eu opto sempre pela sonoridade, e nesse caso Escanor me parece um nome mais "divino". Tai, gostei. Mas claro que Regulus também se encaixa bem, dentro do contexto, principalmente se considerarmos um aspecto (entendam mais como uma representação) ligada a nobreza conservadora, por exemplo. Hum...
Lord Seph escreveu:Voto para irmos para o Feiticeiro e deixar outros resolverem o problema da AN.
Isso é algo que vocês devem fazer, considerar suas opções, pois a história vai seguir suas escolhas. A verdade é que o grupo foi envolvido em uma missão de investigação, mas acabou descobrindo que há algo sinistro por trás do movimento dos goblins, então agora o objetivo é justamente derrubar o feiticeiro, pois a guerra mesmo está além de suas escolhas.

Avatar do usuário
Padre Judas
Mensagens: 8798
Registrado em: 13 Dez 2013, 16:44
Localização: Belo Horizonte - MG

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Padre Judas » 30 Jul 2018, 21:13

Escanor eu aprovo totalmente! \o/

Imagem
BAÚ DO JUDAS
JUDASVERSO

Alexander: Witch Slayer [Kaito_Sensei]
Dahllila: Relíquias de Brachian [John Lessard, TRPG]
Hoggar: Monstromaquia [DiceScarlet]
Jonz: Tormenta do Rei da Tempestade [John Lessard, D&D5E]
Syrion: Playtest T20 [Aquila]
Yellow: Defensores de Mega City [John Lessard]

Avatar do usuário
Kaidre
Mensagens: 5786
Registrado em: 11 Dez 2013, 14:40

Re: Tormenta Alpha - Crônicas da Tormenta (OFF)

Mensagem por Kaidre » 30 Jul 2018, 22:54

Acho que o Aquila não vê Nanatsu.

Aproveitando a vibe, quero uma professora chamada Merlin. Kkkkk. Clériga de Wynna. Kkkkkkk.

Responder

Voltar para “Crônicas da Tormenta”